Power GVT: A instalação - o inicio

sábado, dezembro 05, 2009 , 0 Comments

São 9:00 da manhã de um sábado regular qualquer, ou diria especial, na minha mente a lembrança que logo cedo o instalador da GVT chegaria e logo estaria surfando em altas bandas, 10 Mbps era um grande salto para quem vinha sofrendo com baixas velocidades na rede 3G de três companhias telefônicas.

Logo me veio a mente, hoje 10 Mps, amanhã 100Mbps e no futuro 1Gbps, o sonho bom, logo me lembro que tenho que instalar a tomada telefônica, para puxar um cabo para o escritório e tudo mais, quando toca o interfone, trimmm trimmm, só pode ser a GVT, corro e escuto ao longe a voz do portero: o rapaz da gvt chegou, posso mandar subir: Sim!

Logo chega o técnico, um senhor simpático, com sua maleta na mão, muitos cabos e um modem ADSL2 a tira colo. Ele pergunta onde fica os pontos, verificamos tudo e vemos que no escritório, escondido por traz de uma tampa branca estava o caminho para o fio telefônico, não sei como não tinha percebido isso antes. Então mãos a obra, como de praxe para GVT e ao contrário das outras operadoras eles trocam toda a fiação, "toda", do apartamento todo, o técnico instalou minha nova tomada no escritório e deixou um adaptador melhor de lambuja no meu quarto.

Como não pretendo usar a linha telefônica para voz, só para dados onde vai ficar o telefone não me importava, somente onde ligaria o modem. Mas claro que para chegar ao céu tinhamos um impasse, era preciso remover minha escrivaninha, que chamaria mais de movel em L, nessa brincadeira quase que cai tudo, o LCD se equilibrava, as caixas de som ficavam penduradas mas o pior ocorreu com o computador, na hora do teste parou de funcionar. Você já escutou aquele barulho irritante piiiiiiiiii piiiiiiiiiiiii piiiiiiiiiii, problema na memória, claro, claro que queriam me irritar, mas  hoje nada me tirava do sério, um choquinho aqui, uma desparafusada ali, muita, muita borracha na memória, e lá estava ele como novo.

Ligamos o modem e o técnico me disse entra no site www.testepower.com.br, entrei no Chome, e ele me disse, não é essa a pagina, era para aparecer dois relogios de teste. Entrei no Firefox, quem sabe né? Nada, mesma página, tentei o Internet explorer e nada, mesma página, ele ligou pra atendente e ela insistia no mesmo, era aquele endereço, será que a velocidade habilitada não era de 10Mbps, como assim, logo comigo?

Bem, o técnico resolveu trocar de telefonista e a nova tinha mais experiência, perguntou se tinha algum bloqueio na máquina e me sugeriu tentar outro endereço http://speedtest.copel.net/ pelo menos nesse cai na página de teste, mas conforme eu já esperava a velocidade não passou de 2500kbps, ou seja 2.5Mbps, longe dos 10, sem falar que no RJNet só marcava menos de 400kbps. Parecia uma piada de mal gosto, logo eu que sempre defendia a GVT e tudo mais, não teria minha velocidade contratada?

O técnico se foi e deixou aberto um pedido de visitação de outro técnico da GVT, agora só me resta esperar. Mas que seja fazendo download, apesar de não ter "ainda" os 10Mbps tão sonhados, já consigo baixar vários arquivos que ao mesmo tempo são baixados a quase 400KBps, nada mal, mas eu quero mais.

Cenas dos próximos capitulos....

Rudolfh Bantim

Consultor QlikView e Blogueiro de tecnologia.

0 comentários: