Ministro acha que Oi + BrT não é Super Tele, somente uma Tele normal [Pílulas de informação]

segunda-feira, junho 16, 2008 2 Comments

Seguindo uma nova linha de categorizar, vou comentar algumas noticias que leio por ai e vou chamar isso de [Pílulas de informação].

Quando digo que tudo é angulo de visão o pessoal não acredita, mas vejam o comentário do ministro do Desenvolvimento Indústria e Comércio, Miguel Jorge no link abaixo. O cara vem defender a mudança na lei que possibilita a Oi comprar a Brasil Telecom, mudança essa que já foi autorizada pela ANATEL e que segundo muitos vai criar uma super tele que ira concorrer com a controladora da Claro a Telmex e com a Telefonica, porem o ministro acredita que as duas juntas ainda será menor que as duas concorrentes e que uma grande é melhor que duas pequenas.

Caros leitores, vocês acham que a Telemar e a Brasil Telecom são pequenas? Se elas não tem tanto dinheiro é outra coisa. E ter um competidor ao invés de dois é melhor pra quem? Pro consumidor é que não é. Fico me perguntando o que faz um ministro do governo defendendo as empresas ao invés do eleitores, digo mais, do povo desse país.

Pois com a junção das duas não teremos uma maior concorrência, nem melhores preços, vamos ter uma grande economia onde somente as duas empresas vão ganhar.

E agora José?


Fonte: Computerworld


Rudolfh Bantim

Rudolfh Bantim

Consultor QlikView e Blogueiro de tecnologia.

2 comentários:

  1. Até agora nós nao tivemos concorrencia nenhuma, apenas um monopolio de empresas de telecomunicaçoes estrangeiras que faziam o que bem queriam pois sempre teriam os mesmos clientes.
    Com a ascensao da oi e Br juntas o mercado vai, sim virar mais competitivo, ja que existirão varias "GRANDES" batalhando para ficar na liderança.
    Um exemplo disso é o marketing que a Vivo e tim estao fazendo, oferecendo celulares e minutos de graça para nao perder a liderança.
    O povo brasileiro só tem a ganhar com essa o crescimento de uma supertele brasileira! E é obvio que ela não irá monopolizar o mercado de telecom. para tal, ela precisará oferecer ótimas condiçoes para que o povo brasileiro faça dela sua opçao de telefonia.

    ResponderExcluir
  2. Mas veja bem, a Ambev é a prova de que a junção das duas cervejarias só beneficiou os seus donos e com a ultima fusão, nem mais Totalmente brasileira ela é.
    O fim de toda empresa é ter lucro, se ela puder lucrar mais, não vai abrir mão disso. A Tim e a Vivo são operadoras de celular, a Oi e Brasil Telecom
    são principalmente empresas de telefonia fixa e diferentemente de operadoras de celular, na telefonia fixa a concorrencia é inexistente. A politica da Oi
    já não é de dar celulares e só vender chip, a Brasil Telecom vai no mesmo caminho. O que não é possivel é usar dinheiro do contribuinte para criar uma empresa
    privada que vai diminuir a concorrencia.

    ResponderExcluir